Psoríase – cuidados permanentes com a pele

Psoríase – cuidados permanentes com a pele

Psoríase – cuidados permanentes

A Psoríase é uma doença muito antiga que deriva da palavra grega “psora” que significa prurido (comichão).A psoríase é uma doença de pele que se traduz em zonas avermelhadas cobertas de escamas, que se chamam placas que podem surgir em qualquer parte do corpo sendo mais frequente surgirem nos cotovelos, joelhos, couro cabeludo, palmas das mãos e plantas dos pés. A psoríase não écontagiosa. Portanto, pode-se abraçar, tocar uma pessoa com psoríase, pode estar na mesma piscina, no mesmo cabeleireiro porque a psoríase não se transmite por contacto.

 A psoríase tem um fundo genético. Isto significa que é mais frequente numas famílias do que noutras (embora possa aparecer sem antecedentes familiares (não é hereditária). Há formas ligeiras, moderadas e graves. As mais frequentes são as formas ligeiras (80%) pelo que a maioria das pessoas tem poucas lesões e são fáceis de controlar. É uma doença frequente em Portugal: 3% das pessoas tem uma forma de psoríase.

Nas formas mais graves, a extensão da pele atingida é grande e pode inclusive aparecer outro tipo de lesões, como pústulas e bolhas, nos pés e mãos.

  1. A psoríase não se cura, mas trata-se. Sabemos que a nível imunológico há sinais errados, enviados pelas células do nosso sistema imune, que fazem acelerar o crescimento das células da pele.
  2. Existem muitos medicamentos para a psoríase. Cremes, pomadas, loções para formas ligeiras, comprimidos para formas moderadas e mesmo injeções para formas graves. E lembrar que a psoríase é uma das doenças que melhora com a exposição da pele ao sol – portanto aproveitar as horas de exposição solar e ir para a praia (nas horas adequadas, e sem escaldão, claro), é uma boa escolha.
  3. Em resumo, a psoríase é uma doença crónicae, tal como muitas controla-se. As formas graves são raras e com os medicamentos disponíveis hoje em dia, tratáveis. 

A pele com psoríase tem tendência a descamar por isso é essencial proporcionar uma hidratação extra durante todo o dia:

  1. Esta hidratação começa pelo banho: Escolha um gel de banho hidratanteque não seque a pele, que seja hipoalergénico e adequado a pele sensível e com descamação. Imediatamente após o banho aplique um creme hidratante. Não espere mais do que 2 a 3 minutos, após se secar suavemente com a toalha, para hidratar a pele. A aplicação imediatamente após o banho favorece a absorção. Escolha um produto que contenha ureiana sua composição. 
  2. É possível que tenha algumas manifestações de dermatite seborreicano rosto. Neste caso complemente a sua hidratação diária com um creme de rosto adequado.
  3. Se for possível, ao longo do dia procure reaplicar o creme no rosto, mãos e corpo, consoante sentir necessidade.

Tente identificar o que provoca um agravamento dos sintomas. Cada caso é um caso, por isso é importante conhecer a reação do seu corpo. Se tem psoríase, a probabilidade é que a doença tenha manifestações mais severas quando está sob stress

Consulte-nos para em conjunto com as indicações do seu médico, ajudar-mos a conseguir ter a sua psoríase controlada e bem tratada.

Artur Pinhão

Abril 2019