Obstipação – Queixa Comum

obstipação ou prisão de ventre é um problema frequente, mas que pode ser prevenido e tratadoQuer se tratem de casos de obstipação aguda ou crónica existem soluções que vão desde mudanças nos hábitos de vida até á necessidade de recorrer à ajuda de medicamentos.

Os sintomas mais comuns incluem:

  • Fezes duras que causam dor ao evacuar;
  • Ir à casa de banho com menos frequência do que o normal, não evacuando as vezes suficientes;
  • Dificuldades em defecar, apesar de ir à casa de banho com alguma regularidade;
  • Sensação de não ter “esvaziado” tudo depois de ir à casa de banho;
  • Dores de estômago ou inchaço.

Trata-se de uma situação benigna mas muito embaraçosa, inconveniente e até dolorosa.

São diversas as causas para a obstipação:

  • Maus hábitos alimentares: a ingestão insuficiente de água ou de fibras na dieta habitual;
  • Não ir à casa de banho quando sente necessidade;
  • Alterações à rotina diária, stress e viagens;
  • Alterações hormonais: comuns na gravidez, hipotiroidismo e diabetes;
  • Toma de determinados fármacos (entre os quais alguns diuréticos, antiácidos, antidepressivos e analgésicos).;
  • Toma frequente ou abusiva de laxantes;
  • Síndrome do colón irritável e outras situações que provoquem inflamação no intestino.

A obstipação afeta qualquer faixa etária, sendo mais prevalente nos idosos, devido ao seu estilo de vida mais sedentário,e à alimentação, por vezes pobre em fibra. É também comum durante a gravidez, afetando cerca de 40% das grávidas.

Cada indivíduo tem o seu próprio ritmo, que pode variar de duas/ três vezes ao dia até três vezes por semana. Quando a frequência é inferior a três vezes por semana e, por causa disso, exige esforço, podemos estar perante um quadro de obstipação.

Sendo, na maioria das vezes, uma situação temporária, é um transtorno gastrointestinal comum que pode provocar desconforto abdominal, e acontece principalmente quando o intestino produz resíduos mais sólidos do que o habitual ou quando as contrações musculares não são suficientes para permitir a expulsão das fezes. Para agravar a situação, normalmente quanto mais este estado se prolonga, mais difícil se torna a evacuação.

Em alguns casos, a obstipação é causada por medicação ou mesmo pela existência de doença intestinal. Na dúvida, consulte o seu médico ou farmacêutico. Deve também consultar o seu médico se sofrer de obstipação durante um período prolongado, se aparecer sangue nas fezes, se estiver com obstipação e perder peso repentinamente ou sentir dores agudas de estômago. 

Como prevenir a obstipação?

1. Exercício físico
Recomenda-se praticar 30 minutos de exercício físico diariamente para aumentar a mobilidade do intestino

2. Beber Água
Beber 1,5/2 litros de água por dia para obter uma hidratação suficiente das fezes e ser mais fácil expeli-las

3. Ingerir fibras
Uma dieta rica em fibras ajuda a regularizar os intestinos. Exemplos de alimentos ricos em fibras são cereais integrais, nozes, frutas e legumes

4. Ir à casa de banho com regularidade
Manter hábitos regulares para ir à casa de banho ajuda a evitar a obstipação. Procure manter uma hora certa todos os dias para ir à casa de banho, mesmo que não tenha vontade de evacuar. Demore o tempo que for preciso e criará uma rotina intestinal.

Consulte-nos para podermos ajudar a prevenir e orientar o tratamento necessário ou o encaminhamento ao médico, consoante cada caso. Como sempre, a Farmácia e o seu Farmacêutico estão disponíveis para si!

Dr. Artur Pinhão

Março 2019